interna-laranja.jpg

Nervo ciático

Há 31 pares de nervos espinhais emergindo da medula espinhal pelos espaços entre as vértebras. Estes nervos se ramificam pelo corpo e controlam os músculos e os movimentos, se ligam à pele e aos membros. Eles também são necessários para conduzir a informação do cérebro para o corpo. Os nervos dorsais servem a parte posterior do corpo, enquanto que os ventrais servem os lados e a frente. Algumas enervações se juntam a outras e formam redes. Uma destas redes é o nervo ciático.

Quando as pessoas reclamam de dores no nervo ciático, elas comumente se referem a uma dor que se propaga ao longo dele. Este nervo é o maior do corpo humano. Os nervos espinhais do L4 e L5 se juntam aos nervos sacrais, passam através do forâmen ciático, abaixo do músculo piriforme e se estendem para baixo do cóccix, se  ramificando até chegar aos pés. Dores que aparecem ao longo deste caminho normalmente são chamadas de dores do nervo ciático.

A dor aparece devido à irritação do nervo. Esta irritação pode ser causada pela compressão da raiz do nervo, quando sai do meio das vértebras lombares. Também pode ser causada por uma compressão de algum tecido “mole” durante o percurso até o pé. O mais comum é sentir a dor no glúteo, no lado posterior da coxa, no lado posterior da panturrilha, e em alguns casos, ela pode chegar até os pés. Além da dor, há casos de pessoas que sentem dificuldades de se movimentar e controlar a perna.

Você pode dividir dores ciáticas em dois tipos: a “verdadeira” e a “falsa”. Para descobrir isto, é preciso contatar um profissional competente, que faça testes neurológicos e ressonância magnética.

A verdadeira é causada por uma pressão na raiz do nervo. A causa mais comum da dor ciática verdadeira é a hérnia de disco. Outras causas podem ser: degeneração do disco, tumores ou fraturas depois de acidentes.

A falsa, é causada por uma irritação do nervo na região mais periférica. Normalmente pelo músculo piriforme, por onde o nervo passa embaixo.

A massagem é muito indicada para pessoas com a falsa dor ciática. Ela relaxa a musculatura que está pressionando o nervo, o que traz grande alívio. Mas a técnica não pode curar uma pessoa com a verdadeira dor ciática. Seria impossível curar uma hérnia de disco usando-se apenas as mãos. Mesmo assim, a massagem leve é indicada porque alivia a tensão muscular gerada pela dor no paciente.

Como o nervo ciático pode ser irritado pela musculatura da região posterior do quadril, é importante lembrar-se de treinar os glúteos e alongar. Um tratamento de massagem para o nervo ciático deve ser completado com alongamento dos músculos  envolvidos no problema. Posturas e hábitos não saudáveis podem criar problemas vertebrais e musculares, levando às dores no nervo ciático. Por exemplo, dormir em posições erradas, ficar muito tempo sentado, dirigir carro por tempo excessivo ou não fazer exercício.

Normalmente, a dor aparece só em um lado do corpo. Ela varia muito em intensidade e pode aparecer como pontada, queimação, formigamento, eletricidade, constante ou parecida com cãibra.

Há muitos tratamentos que aliviam a dor no nervo ciático. A maioria, melhora sem intervenção cirúrgica. E em vários casos, a pessoa melhora sem tratamento algum. Fisioterapia ou massagem pode ajudar a aliviar as dores e muitos médicos prescrevem anti-inflamatórios ou injeções na fase aguda. Atividade é importante, embora leve e sem sentir dores.

Comentários  

 
ANETE T.B.YAKUWA
-3 # ANETE T.B.YAKUWA 08-02-2013 14:14
OLÁ..TUDO BEM ??

ESTOU SOFRENDO HÁ 1 ANO E MEIO COM MINHAS HÉRNIAS DE DISCO CERVICAL E LOMBAR. JÁ FIZ APLICAÇÃO DE OZÔNIO, MOXOTERAPIA , FISIOTERAPIA , ATUALMENTE ESTOU NA HIDROGINÁSTICA, MAS NADA RESOLVE , HOJE MESMO ESTOU ATACADÍSSIMA .ENTÃO QUERO SABER IR NUM MASSAGISTA GRADUADO SERÁ QUE AMENEZARIA A MINHA DOR ??
DESDE JÁ OBRIGADA PELA ATENÇÃO.
Responder | Responder com citação | Citar
 
 
lourivaldo barbosa
+1 # lourivaldo barbosa 09-04-2013 10:19
Parabens! Muito bem explicado. E justamente o que sinto, e com isso vou procurar exercitar-me o mais rapido possivel, obrigado.
Responder | Responder com citação | Citar
 

Adicionar comentário




© Bergqvist Cursos de Massagem   |   Sitemap   |   Créditos   |   Massagem em Outras Cidades