Bambuterapia

Bambuterapia está na moda.

Apesar de no Brasil encontrar-se uma das maiores diversidade de bambu, principalmente nos Estados do Amazônia e da Bahia, foi na França que surgiu a idéia de se utilizar esta incrível espécie vegetal, como instrumento de trabalho terapêutico e estético, o qual corretamente preparado, permitiu abrilhantar o campo das terapias alternativas.

Trata-se de uma inovação muito bem vinda e  pela facilidade em que possibilita a promoção de tratamento facial e corporal, massagem relaxante, acupressura, drenagem linfática e relaxamento, tem ganhado adeptos em vários países é a vedete do momento conhecida nos spas como a massagem das sensações. Em nosso país, esta técnica, em que as varetas de bambu agem como se fossem um prolongamento de nossos dedos, foi apresentada pela primeira vez em agosto de 2006, pelo fisioterapeuta Gill Amasallem, no 14° Congresso Científico de Estética no RJ. O kit de bambu utilizado nesta técnica é composto normalmente de 09 varetas com variação no comprimento e no diâmetro. As varetas devem ser devidamente preparadas para evitar o risco de lesões na pele do cliente. Ou seja, a superfície das mesmas tem que estar perfeitamente lisas, pode-se para tanto, utilizar lixas com granulações apropriada, o uso de verniz não é recomendado já pode causar alergia.

A escolha das varetas durante as manobras depende da parte do corpo a ser trabalhada  e do tipo de toque que se queira aplicar, ou seja, as varetas maiores permitem um toque mais intenso enquanto a menores são usadas para um toque mais sutil e também estímulos de pontos da acupuntura. Não há necessidade de trocar de kit para o atendimento de cada cliente, basta que no final de cada seção faça assepsia com uso de álcool a 70%.

Esta entrada foi publicada em Tipos de massagem e marcada com a tag , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

7 respostas a Bambuterapia

  1. Sil Massoterapeuta disse:

    Excelente esclarecimento!!,é isso mesmo…ainda existem quem as confunde. uma Fisioterapeuta para atuar na área de estética tem que se especializar,assim, como a massoterapeuta, não pode interferir na área da fisio.
    Parabéns!!! Muito esclarecedor.

  2. simonemassoterapia disse:

    Adoro teus posts, aprendo e confirmo muita coisa que aprendi em aula e na pratica! parabens pelos otimos assuntos e pela maneira como vc os coloca. estou iniciando meu blog, seria um prazer se vc pudesse ir la as vezes , estou aberta a opinioes e sugestoes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *